Amolim | Produtos de limpeza - Quais as medidas de limpeza em casas e estabelecimentos comerciais contra COVID-19?
Seja um revendedor: (18) 3304-4467

Quais as medidas de limpeza em casas e estabelecimentos comerciais contra COVID-19?


Devido a pandemia da COVID-19, vários hábitos diários foram modificados e outros inseridos em nossa rotina, como algumas medidas de higienização. Contudo, a pandemia trouxe também muitas dúvidas, como por exemplo, como limpar os ambientes para evitar a contaminação? Quais produtos usar? De quanto em quanto tempo limpar? Por isso, nesse artigo iremos falar sobre as medidas de limpeza para casas e estabelecimentos contra a COVID-19.


Como realizar a limpeza de casas e estabelecimentos

Limpar a casa e o estabelecimento comercial já eram hábitos corriqueiros antes da pandemia, mas agora essa tarefa precisa ser reforçada e realizada com mais atenção. Todos devemos adotar medidas mais cuidadosas e detalhadas de higienização dos ambientes, para evitar o contágio e transmissão da COVID-19.

Uma das grandes dúvidas e preocupações que surgiram com essa nova necessidade de limpeza, é sobre quais produtos utilizar na hora da higienização dos ambientes. Não existem estudos que indiquem produtos específicos para combater o vírus da COVID-19, contudo alguns podem ser utilizados tranquilamente para uma limpeza eficaz, claro, sempre respeitando a diluição e tempo de contato informados pelo fabricante no rótulo do produto.

Os produtos mais recomendados para a limpeza, tanto de casas, quanto estabelecimentos comerciais são:

  • Água sanitária;
  • Álcool de limpeza (líquido);
  • Desinfetantes em geral;
  • Detergente;
  • Limpadores multiuso com álcool;
  • Limpadores multiuso com cloro;
  • Sabão.

Eles são indicados, pois são produtos efetivos para quebrar a cápsula de gordura protetora do vírus e assim destruí-lo.

Independentemente de ser uma residência ou espaço comercial, a principal recomendação para realizar a limpeza dos ambientes é aumentar a frequência de higienização de superfícies, dando uma atenção muito maior às áreas com grande contato de pessoas.

Pontos que necessitam de muita atenção na hora da limpeza são:

  • Maçanetas e fechaduras;
  • Chaves;
  • Corrimão;
  • Campainhas e interfones;
  • Barras de apoio;
  • Botões de elevadores;
  • Interruptores;
  • Mesas e cadeiras;
  • Bancadas;
  • Torneiras;
  • Cubas e pias;
  • Vasos sanitários;
  • Aparelhos de telefone;
  • Teclados e mouses;
  • Controles remotos;
  • Mobílias em geral.

Locais com fluxo diferente de pessoas requerem níveis diferentes de limpeza, por isso falamos sobre cada tipo logo abaixo.

 

Ambientes com pouco fluxo de pessoas

Se você é uma das pessoas que consegue manter o isolamento social sem sair de casa e em um local onde não há circulação de pessoas, a rotina de limpeza pode ser realizada da mesma forma com que estava acostumado antes da pandemia. Contudo, nesses casos você deve estar sempre atento à higienização adequada de itens recebidos via delivery, correio e qualquer outra encomenda vinda de fora de casa.

Em ambientes com pouco fluxo de pessoas a frequência recomendada para higienização é de pelo menos uma vez por semana. Os produtos utilizados podem ser os citados acima e para a higienização dos produtos recebidos de fora, você pode:

  1. Lavá-los com água e sabão ou utilizar um pano umedecido com álcool líquido 70%.
  2. Para alimentos de hortifrúti, pode ser realizada uma mistura caseira com uma colher de sopa de água sanitária sem perfume e incolor para cada litro de água. Deixe os alimentos nessa mistura por dez minutos, depois enxague-os bem em água corrente e deixe secar.

Porém reforçamos, essa frequência de limpeza é recomendada apenas se você e quem morar com você estiver mantendo o completo isolamento, sem sair de casa para nenhuma atividade e claro, sem receber visitas e outras pessoas para circular pelos ambientes.

 

Ambientes com grande fluxo de pessoas

Em ambientes com grande fluxo de pessoas, as recomendações de limpeza são mais rígidas. Seja uma casa ou ambiente comercial, se o espaço recebe diariamente um grande fluxo de pessoas, os cuidados com a higiene devem ser mais rigorosos e levados muito à sério para evitar contágio e propagação da COVID-19.

Nesses casos em que há circulação de pessoas que continuam trabalhando fora ou ambientes comerciais, a limpeza precisa ser reforçada e feita mais vezes. O recomendado é que seja realizada pelo menos uma vez ao dia, mas em itens de maior contato com pessoas, como os citados acima, devem ser higienizados de duas a três vezes ao dia.

 

Cuidados especiais para ambientes comerciais

Além de seguir as recomendações dos tópicos anteriores, alguns itens em espaços comerciais devem receber atenção redobrada na hora da higienização, como por exemplo:

  • Máquina de cartão;
  • Maçaneta;
  • Balcões e cadeiras.

Todos esses itens têm algo em comum, são tocados constantemente pelas mãos dos consumidores, por isso diferente de uma residência, esses itens devem ser higienizados constantemente ao longo do dia. Uma boa dica para aumentar a segurança de seus colaboradores e clientes é incentivar o pagamento por aproximação.

 

Famílias com infectados ou suspeitos de infecção

Em casos de famílias com infectados ou suspeitos de infecção a higienização dos ambientes é ainda mais rigorosa. A pessoa infectada ou com suspeita deve ser mantida isolada em um cômodo da residência, por isso na maioria dos casos, ela mesma acaba realizando a limpeza do ambiente em que está ficando, para assim evitar ao máximo que outra pessoa da família seja contaminada.

Todos os itens que não podem ser higienizados no cômodo de isolamento, como roupas pessoais, de cama e toalhas, devem ser colocados em sacos plásticos separados dos itens dos outros moradores e lavados separadamente. Se possível, talheres e copos devem ser pré-lavados pelo paciente dentro de um cômodo com banheiro, depois o responsável pela limpeza desses itens deve utilizar sempre luvas e máscara de proteção, além de manusear esses itens com o máximo de cuidado possível.

 

Dicas

  • Crie uma “Zona contaminada” logo na entrada de sua casa, dessa forma você deixa nesse espaço, sapatos, roupas, bolsas e outros objetos vindos de fora, que podem estar contaminados, evitando o contato deles com outros cômodos da residência.
  • Não use álcool gel em equipamentos eletroeletrônicos, pois essa substância pode danificá-los.
  • Inicie a limpeza pelas paredes, vidros, superfícies, objetos e por último, o piso.
  • Mantenha sempre que possível os cômodos bem arejados e ventilados.
  • Para uma limpeza e desinfecção mais eficaz, limpe em um único sentido e não movimentos circulares ou de vai e vem, assim você evita contaminar os espaços próximos.

 

Amolim – Uma linha completa para limpeza econômica e eficaz

Como já citamos, os produtos para a limpeza da casa ou estabelecimento comerciais são os já conhecidos e utilizados no dia a dia antes mesmo da pandemia. A Amolim conta com uma linha completa para proporcionar uma limpeza muito mais econômica e principalmente eficaz.

Acesse nossa Loja on-line, confira nossos produtos e aposte na nossa qualidade para facilitar a limpeza. Além do ótimo custo-benefício, nossos produtos são testados e a eficácia é comprovada por todos os consumidores Amolim. Teste você também! Clique aqui e conheça toda a nossa linha de produtos.

Quer descobrir mais dicas de limpeza? Acesse nosso blog, temos diversos conteúdos sobre limpeza que você vai adorar!

 

Últimas do blog

Saiba como ser um bom revendedor de produtos de limpeza

Publicado em 15:20 29/04/2021

Todo mundo quer ganhar mais dinheiro, afinal ter uma renda extra no final ...

Quais as medidas de limpeza em casas e estabelecimentos comerciais contra COVID-19?

Publicado em 17:20 14/04/2021

Devido a pandemia da COVID-19, vários hábitos diários...

Revender produtos de limpeza é lucrativo?

Publicado em 11:46 25/02/2021

Empreender e abrir o próprio negó...